Quarta-feira
21 de Novembro de 2018 - 

News

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,76 3,76
EURO 4,28 4,29
LIBRA ES ... 4,82 4,83

Previsão do tempo

Hoje - Contagem, MG

Máx
23ºC
Min
17ºC
Pancadas de Chuva

Quinta-feira - Contage...

Máx
26ºC
Min
17ºC
Pancadas de Chuva a

06/11/2018 - 17h41TJMG realiza primeiro julgamento virtual de recursosSerão julgados, nesta quarta, 263 processos com o mesmo teor

  Ferramenta julgadora, o "Radar", foi desenvolvida pelos próprios técnicos de informática do Tribunal de Justiça O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) realiza, nesta quarta-feira, 7 de novembro, o primeiro julgamento de recursos por meio totalmente virtual. O julgamento será às 9h, na 8ª Câmara Cível. Serão julgados, pelo meio virtual, 263 recursos, que têm o mesmo teor. A ferramenta, denominada “Radar”, foi desenvolvida pelo próprio Tribunal de Justiça como uma funcionalidade do sistema Themis, que já é utilizado pelo TJ para o processamento dos recursos e para a emissão dos acórdãos em meio eletrônico. De acordo com o 1º vice-presidente do TJMG, desembargador Afrânio Vilela, a tecnologia empregada nesse novo tipo de julgamento foi totalmente desenvolvida pelos servidores do TJMG, da Diretoria Executiva de Informática (Dirfor) e da Primeira Vice-Presidência. O magistrado explicou que os profissionais da informática, utilizando-se da tecnologia da informação, criaram uma ferramenta chamada “Radar”, com a finalidade de identificar e separar recursos idênticos. Depois que a ferramenta separa os recursos, é montado um padrão de voto que abarca a matéria, já decidida pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) ou por Incidente de Resolução de Demandas Repetitivas (IRDR), processo que trata de um assunto abordado em inúmeros outros processos. Assim, depois que o incidente é julgado, a mesma decisão pode ser aplicada a todas as outras ações judiciais do mesmo teor. Esse esboço de voto é apresentado ao desembargador relator, que tem a possibilidade de fazer alterações e imprimir seu traço pessoal ao texto. Feitas as correções, a máquina já identifica os recursos iguais e procede ao julgamento conjunto, em questão de segundos. O novo sistema, segundo o desembargador Afrânio Vilela, foi testado inúmeras vezes, até se chegar a um padrão de confiança absoluta na tecnologia utilizada de forma que possa ser empregado em julgamentos reais, como o desta quarta-feira. A partir do projeto piloto da 8ª Câmara Cível, todas as demais câmaras interessadas poderão utilizar a ferramenta.
06/11/2018 (00:00)
Visitas no site:  575820
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia

Contate-nos

Frederico Teotônio - Advocacia & Consultoria Jurídica

Av. José Faria da Rocha  1.684  3º Andar
-  Eldorado
 -  Contagem / MG
-  CEP: 32315-040
+55 (31) 3991-5700+55 (31) 9177-9896
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.